You are not allowed to view this news

Podcasts

Cidades requerem planos flexíveis

Tecnologia operacional mudou a dinâmica de planejamento.

11 de outubro de 2018
planejamento

A flexibilidade se tornou um ponto-chave para o planejamento eficiente da infraestrutura de uma cidade. Essa é uma das tendências detectadas pelo estudo Emerging Trends in Infrastructure, realizado pela KPMG International.

O avanço da tecnologia operacional transformou a forma como o planejamento é feito. As soluções disruptivas chegam ao mercado em velocidade recorde e têm mudado a dinâmica dos processos. “Diferentemente do passado, em que planejávamos a infraestrutura para os próximos 50 ou 100 anos, vamos começar a planejá-la para os próximos 10 anos”, explica o sócio-líder de Governo e Infraestrutura da KPMG no Brasil, Maurício Endo.

Nesse contexto de rápidas mudanças, o sócio aponta a dificuldade dos mercados emergentes em planejar, estruturar e lançar os projetos para licitação e defende a maior aproximação dos setores público e privado para aumentar a eficiência.

Para o desenvolvimento adequado da infraestrutura, é fundamental que o governo possua recursos orçamentários suficientes e capacidade de financiamento, implantação e operação, para assim implementar as novas tecnologias para soluções de inovação.

No podcast a seguir, Maurício Endo fala sobre a tendência de flexibilidade no setor. Confira!

 

 

 

 

 

 

 

 

()