Você não tem permissão para ver essa notícia

Agronegócio

Inovação tecnológica ajuda produtor rural no IRPF

KPMG oferece ferramentas e serviços para a melhor gestão e ganho na qualidade da informação

27 de fevereiro de 2019

*Por Marcos Grigoleto, sócio-diretor

Atualmente vivemos uma mudança significativa em nosso agronegócio, principalmente em relação à atividade rural das pessoas físicas. Nesse cenário, para o produtor se manter competitivo nesse mercado desafiador é necessário planejar todos os custos de suas atividades.

A preocupação do produtor rural geralmente chega no momento de fazer a entrega da sua declaração de Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF), sendo que para o preenchimento de informações para a Receita Federal do Brasil o produtor rural precisa reunir todos os documentos fiscais, tais como recibos e blocos, e as suas notas fiscais de entradas e saídas do período para entregar ao seu contador, que por sua vez deverá efetuar os lançamentos de tais valores no sistema, visando a apurar o lucro das atividades e, consequentemente, apurar o IRPF a pagar, o qual muitas vezes se torna maior que o previsto.

De forma a facilitar a vida do produtor rural e evitar surpresas quando da apuração do IRPF, a KPMG, por meio de sua ferramenta tecnológica, pode ajudar os produtores rurais importando automaticamente todos os documentos fiscais eletrônicos, recibos etc., e simular a apuração mês a mês do IRPF a ser pago. Desse modo, o produtor rural, assim como seu contador, pode acompanhar com maior facilidade, de onde estiver, a evolução de seu IRPF e o controle financeiro com um simples clique em seu computador.

A KPMG conta ainda com um time de consultores, especialistas tributários no agronegócio, que, após a inserção dos documentos fiscais na plataforma, poderá revisar toda a documentação, sugerindo, quando possível, eventuais melhorias nas estratégias legais de planejamento tributário para redução do IRPF a ser pago.

()