Você não tem permissão para ver essa notícia

Notícias

Ainda tem dúvidas sobre o Imposto de Renda?

Ouça as dicas da sócia Patrícia Quintas.

15 de abril de 2019

É tempo de fazer a declaração do Imposto de Renda Pessoa Física, ano-base 2018. A declaração pode ser feita pela internet até o dia 30 de abril, e o seu não envio acarreta multa.

“A multa é equivalente a 1% ao mês ou referente à fração do atraso incidente sobre o imposto devido, ainda que integralmente pago. O valor mínimo da multa é de R$ 165,74, e o máximo é de 20% do imposto devido”, explica Patrícia Quintas, sócia de Global Mobility Services da KPMG no Brasil.

A sócia esclareceu as principais dúvidas sobre a declaração. Ela comentou, entre outros assuntos, algumas exigências da Receita Federal que já devem ser inseridas na declaração, como a inclusão do CPF de dependentes, incluindo dos recém-nascidos.

O sistema da Receita Federal agora conta também com uma coluna de pensão alimentícia no campo de recebimentos de pessoa física, um ponto de atenção para quem recebe pensão.

Outro aspecto importante é que os contribuintes com rendimentos tributáveis, rendimento exclusivo na fonte ou rendimentos isentos que superaram o valor de R$ 5 milhões só conseguirão entregar a declaração se portarem certificado digital.

Patrícia também falou sobre isenções, dependentes e cuidados para não cair na malha fina. Vale ressaltar que a Receita Federal possui mecanismos inteligentes para o cruzamento de informações. Por isso, é recomendável verificar com atenção todos os itens reportados, para evitar qualquer transtorno.

Ouça mais no podcast a seguir:

 

Você pode esclarecer outras dúvidas por meio da DRI, a inteligência artificial desenvolvida pela KPMG. Saiba mais aqui.

()