Você não tem permissão para ver essa notícia

Consumo e Varejo

KPMG participou da APAS Show 2019

Sócio comenta as tendências discutidas no maior evento supermercadista do mundo.

21 de maio de 2019

A Feira e Congresso APAS, maior evento de alimentos e bebidas das Américas e maior evento supermercadista do mundo, reuniu mais de 100 mil participantes no Expo Center Norte, em São Paulo, nos dias 7, 8 e 9 de maio.

O sócio-diretor de varejo da KPMG no Brasil, Paulo Ferezin, foi responsável por moderar as apresentações no auditório de marketing, no Congresso de Gestão, nos dois primeiros dias de evento.

O congresso foi realizado em paralelo à feira, com palestras ministradas por renomados profissionais nacionais e internacionais. Os temas tratados envolveram customer experience, mobilidade, colaboração via plataformas de negócios, Inteligência Artificial, Data & Analytics, transformação digital e Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

O sócio-líder de Artificial Intelligence, Cognitive e Customer Experience, Frank Meylan, também marcou presença no evento, com uma palestra sobre o tema Customer Experience: personalização das relações com os consumidores.

Na entrevista a seguir, Ferezin comenta as principais tendências e destaques dos debates. Confira:

Qual é a importância estratégica desse evento para o setor de consumo e varejo?
Como maior evento de supermercados do globo, e considerando que é frequentado por empresários, profissionais e fornecedores do segmento, seu papel é muito relevante na transmissão de conhecimento. Tivemos a oportunidade de conhecer e discutir casos práticos e seus resultados e saber mais sobre as tendências e novas tecnologias que estão transformando os negócios, permitindo aos varejistas e fornecedores refletirem, revisitarem e planejarem seus negócios com visão de curto, médio e longo prazos.

Quais foram as principais tendências apontadas nas palestras e debates?
As palestras focaram muito casos já praticados e tendências de transformação dos negócios e relações de consumo. As apresentações abordaram a necessidade de conhecer profundamente o consumidor e proporcionar a ele uma melhor experiência por meio da customização/individualização nas relações, conduzindo para uma melhor experiência de consumo. As tecnologias apresentadas envolvem Data & Analytics, realidade aumentada, uso de plataformas (marketplace) e automação/robotização de processos, mas sempre sem perder de vista a expectativa do consumidor nas relações humanizadas.

Quais são os principais desafios para o desenvolvimento de ações para melhorar a experiência do cliente? Quais ferramentas e estratégias são importantes para isso?
Os principais desafios estão na cultura das empresas quanto à real centricidade no cliente, capacidade de investimento, planejamento (por onde começar) e uma boa execução. Quanto à estratégia e ferramentas, existe uma série de ferramentas já disponíveis, mas tratando de pontos isolados da jornada, de forma não integrada. Nesse sentido, é muito importante que os varejistas planejem e construam sua jornada de ações e investimentos, orquestrando a implementação com uma execução excelente.

Como a KPMG pode ajudar?
A KPMG pode ajudar em toda a jornada ou em partes, desde a definição estratégica, passando pelo desenho e orquestração da implementação até a implementação de fato.

Para entrar em contato com a área de varejo, clique aqui.

()