Você não tem permissão para ver essa notícia

KPMG Live

As mudanças de governança durante e após a pandemia

Ouça o KPMG Live com Sidney Ito e Fernanda Allegretti, do ACI Institute.

5 de junho de 2020
Foto de quatro pessoas, lado a lado, a primeira é uma mulher e outros três são homens

A ACI Institute foi criado em 1999 pela KPMG, nos Estados Unidos, e surgiu no Brasil em 2004, com o propósito de discutir questões relacionadas à governança corporativa, mantendo um forte relacionamento desde então com membros de Conselhos de Administração, de Conselhos Fiscais e de Comitês de Auditoria.

Desde o surgimento da pandemia da Covid-19, o ACI vem acompanhando e favorecendo o diálogo entre os conselheiros sobre medidas para conter a crise e realizando pesquisas e debates sobre o tema.

Para falar sobre os resultados dos principais levantamentos do ACI e desafios desse período, o KPMG Live, o programa da Rádio KPMG Brasil, recebeu Sidney Ito, sócio-líder de Risk Consulting e CEO do ACI Institute, e Fernanda Allegretti, gerente sênior do ACI Institute, no dia 4 de junho.

No primeiro bloco do programa, apresentado por Carlos Gatti e André Coutinho, você pode conferir mais informações sobre o papel do ACI e também sobre a trajetória profissional dos convidados:

Atuações dos conselheiros

O ACI realizou uma pesquisa em três fases com os conselheiros sobre como as ações vêm sendo realizadas pelas empresas durante a crise. Fernanda conta que, no curto prazo, houve preocupação com a proteção dos funcionários, com a tomada de medidas como o cancelamento de viagens profissionais, fechamento de escritórios e instauração do regime de trabalho remoto (home office). Já as ações de longo prazo estão voltadas à revisão dos planos estratégicos, novos processos operacionais e o crescimento do regime de home office.

Sidney Ito comentou as mudanças na atuação dos conselheiros e funcionamento dos conselhos após a pandemia, com destaque para o aumento da responsabilidade do stakeholder com relação a aspectos sociais.

Ele também falou sobre a maior tendência na realização de assembleias virtuais. Ouça mais:

Perspectivas e riscos emergentes

Na última parte do programa, os convidados falaram sobre a necessidade da avaliação periódica dos mapas de riscos. Ito destacou que, na prática, haverá uma mudança significativa em termos de riscos legais e regulatórios, riscos relacionados a questões de tecnologia, cyber security e proteção de dados em razão do aumento do trabalho virtual.

Já Fernanda destacou as mudanças percebidas desde a pandemia e o trabalho do ACI em novos materiais com foco na retomada e na adaptação dos conselhos diantedos impactos de longo prazo. Confira:

Para saber mais sobre o ACI Institute e conferir as publicações, clique aqui.

Nenhum ()